30 junho 2012

Blogagem coletiva :: Esmalte + Sintoma de pobre

Eu nem sou pobre, mas como diria a Bia Falcão: Pobreza pega!



É muito complicado para mim fazer uma postagem dessa, pois eu sou muito rycah. Meu blog só anda desatualizado porque eu vivo fazendo viagens. Eu sou quase uma Rochelle:


A grande diferença é que quem tem dois empregos nessa história sou eu. As minhas viagens diárias são de casa para o trabalho, do trabalho para outro trabalho #VidaDeProfessorete... É dureza, viu?


Para mostrar que não sou pobre, escolhi um esmalte que é cara da RYQUEZA:

Quartzo Fumê - Dote

O esmalte é lindo, divo, perfeito, maravilhoso... Mas essa coisa descascada é A CARA DA POBREZA!

Apesar de ser muito rycah, eu tenho alguns sintomas de pobreza que insistem em me perseguir, por exemplo:



Comer ovo de codorna na praia... Se eu for à praia e não comer ovo de codorna, a sensação que eu tenho é de que nem fui, sabia? Ovo de codorna é essencial!


Reutilizar  embalagens de produtos como copos de "prástico" de requeijão cremoso, pote de sorvete... Não sou prendada como a Clau Finotti, portanto não sei "enfeitar" as coisinhas... Uso tudo no original... Afinal, usar genérico é coisa de pobre...


Outro sintoma de pobre que não sai de mim: na minha casa pode faltar até comida, mas uma cervejinha SEMPRE tem!! #FATO Adoro tomar umas piriguetes enquanto arrumo a casa... Não que eu dispense as minhas empreguetes para a faxina da minha mansão, mas há dias em que eu quero ser empreguete também...

Isso tudo é pra mostrar a vocês que apesar de todos esses sintomas,


Querem ver mais sintomas de pobreza? Então corre lá no blog da phyna e rycah Fernanda Reali.
Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Adorei o post, Luci! Ri muito! Morri com essa do ovo de codorna, viu? E o esmalte que vc escolheu é realmente divo. A cara da riqueza! hehehe

    Estou com muita saudade de vc!!! ^^
    Bjos
    da amiga Abelha!

    ResponderExcluir

Podem exclamar à vontade!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...